OL1 - Fascículo 04 - Nas termas


Cláudio e Públio nas termas de Caracala

IN THERMIS

Claudius et Publius thermas ignorant. Sed hodie thermas Caracalae cognoscere desiderant. In thermis Caracalae, bibliothecam, tabernam, hortum, thermopolium uidere desiderant amici. Post laborem, relaxare optant.

Thermae magnum spatium constituunt. Primo, apodyterium uidemus. In apodyterio, saepe latrunculus uestimentum frequentatorum spolìat. Deinde, caldarium spectamus. In caldario est solium calidum. Postea, tepidarium adspicimus. In tepidario aqua tepida est. Postremo, frigidarium cernimus. In frigidario aqua frigida est.

Vocabulário

1º parágrafo
[amici = os amigos; bibliotheca 1f = biblioteca; Caracalae = de Caracala; Claudius 2m; Cláudio; cognosco, cognoscere 3A; conhecer; desidero, desiderare 1 = desejar; et = e; hortus 2m = jardim; ignoro, ignorare 1 = desconhecer, ignorar; in thermis Caracalae = nas termas de Caracala; opto, optare 1 = querer; post laborem = depois do trabalho; Publius = Públio; relaxo, relaxare 1 = relaxar; taberna 1f = loja; thermas Caracalae = termas de Caracala; thermopolium 2n = bar; uideo, uidere 2 = ver]

2º parágrafo
[adspicio, adspicere 3B = ver; apodyterium 2n = vestiário; aqua 1f = água; caldarium 2n = caldário; calidum 2n = quente; cerno, cernere 3A = observar; constituo, constituere 3A = constituir; deinde = depois; frequentatorum = dos frequentadores; fridigarium 2n = frigidário; frigida 1f = fria; habeo, habere 2 =  ter;  in apodyterio = no vestiário; in caldario = no caldário; in frigidario = no frigidário; in tepidario = no tepidário; latrunculus 2m = ladrãozinho; magnum 2n = grande; postea = posteriormente; postremo = por último; saepe = muitas vezes; solium 2n = banheira; spatium 2n = espaço; specto, spectare 1 = observar; spolio, spoliare 1 =  furtar; tepida 1f = morna; tepidarium 2n = tepidário]

LINGVA

4A. No fascículo passado, você aprendeu as principais terminações da 1ª declinação – nominativo (Messal-a) e acusativo (Messal-am). Agora, você verá os mesmos casos, só que da 2ª declinação: os substantivos terminados em -us. Observe abaixo: 

1. Claudius Publium uocat = Cláudio chama Públio. 
2. Publius Claudium uocat = Públio chama Cláudio. 

4B. Estas são as terminações da 2ª declinação (masc.):
nom.: Claudi-us (sujeito)
acus.: Claudi-um (objeto)

Note que os substantivos terminados em –us no caso nominativo da 2ª declinação pertencem ao gênero masculino.

4C. Um outro tipo de terminação pertencente à 2ª declinação é -um, no nominativo. As palavras que fazem parte desse grupo são do gênero neutro.

1. Oppidum theatrum habet = A cidade tem um teatro.
2. Theatrum uelum habet = O teatro tem uma cobertura.

4D. Estas são as terminações da 2ª declinação (neutra):
nom.: Theatr-um (sujeito)
acus.: Theatr-um (objeto)

Note que os substantivo terminados em –um no caso nominativo da 2ª declinação pertencem ao gênero neutro.

4E. Agora você vai se deparar com um probleminha. Como saber, numa frase, se o substantivo neutro (como theatr-um) exerce a função de sujeito (nominativo) ou de objeto (acusativo)? A solução para tal problema é dada pelo contexto da frase.

4F. Exercícios

I. Traduza as seguintes frases:


Cláudia despe-se no vestiário

Publius in apodyterio desinit .....................................................................................................................
in apodyterio Claudius se denudat ............................................................................................................
saliunt Lucius et Publius in apodyterio .......................................................................................................


[Claudius 2m = Cláudio; denudo, denudare 1 = despir; desino, desinere 3A = parar; in apodyterio = no vestiário; Lucius 2m = Lúcio; Publius 2m = Públio; salio, salire 4 = pular; se pron. = se]

II. Traduza as seguintes sentenças:


Públio descansa no caldário

in caldario Claudium uideo .........................................................................................................................
uocamus Publium in caldario ......................................................................................................................
Iulium in caldario necant .............................................................................................................................

[Claudius 2m = Cláudio; in caldario = no caldário; Iulius 2m = Júlio; neco, necare 1 = matar; Publius 2m = Públio; uideo, uidere 2 = ver; uoco, uocare 1 = chamar]

III. Traduza as seguintes frases:


Cláudio e Públio conversam no tepidário

in tepidario Claudius et Publius salutant Panniculum .....................................................................................
Lucius in tepidario Iulium cernit ...................................................................................................................
monet Panniculus in tepidario Scorpum .......................................................................................................

[cerno, cernere 3A = observar; Claudius 2m = Cláudio; et conj. = e; in tepidario = no tepidário; Iulius 2m = Júlio; Lucius 2m = Lúcio; moneo, monere 2 = aconselhar; Panniculus 2m = Panículo; Publius 2m = Públio; saluto, salutare 1 = saudar; Scorpus 2m = Escorpo]

IV. Traduza as seguintes sentenças:


O massagista põe óleo no corpo de Cláudio

laxat oleum .............................................................................................................................................
unguentum repuerascit .............................................................................................................................
delectant uinum et theatrum ......................................................................................................................

[delecto, delectare 1 = alegrar; laxo, laxare 1 = relaxar; oleum 2n = óleo; repuerasco, repuerascere 3A = rejuvenescer; theatrum 2n = teatro; uinum 2n = vinho; unguentum 2n = pomada]

V. Traduza as seguintes frases:


No ginásio, Cláudio e Públio se exercitam

unguentum uendimus .................................................................................................................................
Claudius et Publius odoramentum comparant .............................................................................................
bibo uinum ................................................................................................................................................

[bibo, bibere 3A = beber; Claudius 2m = Cláudio; comparo, comparare 1 = comprar; et conj. = e; odoramentum 2n = perfume; Publius 2m = Públio; uendo, uendere 3A = vender; uinum 2n = vinho; unguentum 2n = pomada]

VI. Traduza as seguintes sentenças:


Públio compra uma merenda no bar

uelum gymnasium non habet .......................................................................................................................
uendit thermopolium uinum .........................................................................................................................
caldarium habet labrum .............................................................................................................................

[caldarìum 2n = caldário; gymnasìum 2n = ginásio; habèo, habére 2 = ter; labrum = fonte quente; non adv. = não;  thermopolìum 2n = bar; uelum 2n = cobertura; uendo, uendère 3A = vender; uinum 2n = vinho]

4G. Traduza os seguintes provérbios:

Libellus meus et sententia mea uitam uirorum monent. (Fedro)  ........................................................................
[et = e; libellus 2m = pequeno livro; mea = minha; meus 2m = meu; moneo, monere 2 = influenciar; sententia 1f = palavra; uirorum = dos homens; uita 1f = vida]

Semper auarus eget. (Horácio) .................................................................................................................
[auarus 2m = avaro; egeo, egere 2 = cobiçar; semper = sempre]

Officium meum facio. (Terêncio) ................................................................................................................
[facio, facere 3A = fazer, cumprir; meum 2n = meu; officium 2n = dever]

Infinitus est numerus stultorum. (Eclesiastes) ...............................................................................................
[infinitus 2m = infinito; numerus 2m = número; stultorum = dos insensatos; sum, esse = ser, estar]

Video barbam et pallium; philosophum nondum uideo. (Aulo Gélio) .............................................................
[barba 1f = barba; et = e;  nondum = ainda não; pallium = pálio; philosophus 2m = filósofo; uideo, uidere 2 = ver)

4H. Para aprofundar

I. Textos

Casos da 2ª declinação. Clique AQUI.
Jogos com nomes da 2ª declinação. Clique AQUI.
Palavra cruzada com nomes da 2ª declinação, masculinos. Clique AQUI.
Palavra cruzada com nomes da 2ª declinação, neutros. Clique AQUI.

II. Vídeos



Nominativo e acusativo da 2ª declinação (masculino)

Nominativo e acusativo da 2ª declinação (neutro)

CVLTVRA


I. Textos

Termas: no banho romano
Um antigo provérbio diz tudo os hábitos do Império Romano: “O banho, o vinho e Vênus consomem o corpo, mas são a verdadeira vida”. As termas romanas eram um dos maiores prazeres da vida urbana na Antiguidade, um dos principais locais de entretenimento. Quase como um clube ou um shopping center hoje em dia – aliás, talvez tudo isso junto. Clique AQUI.

Piscinões de Roma
Na capital do mundo, ninguém tomava banho em casa. Mas tudo bem, porque visitar os banhos públicos era mais ou menos como freqüentar os nossos shoppings – as pessoas iam lá para fazer esportes, ler um bom livro e conhecer gente bonita. Essas termas eram um dos maiores prazeres da vida urbana antiga até os escravos podiam entrar numa boa. Surgidos no século 3 a.C., esses piscinões ficaram tão famosos que, no ano 300 d.C., havia mais de mil deles na cidade. Clique AQUI.

II. Vídeos

Termas de Caracala

Termas romanas em 3D


BIBLIOGRAFIA

AGUIAR, Joaquim Luís Mendes de; RIBEIRO, Roberto Gomes. Gramática de língua latina. 3. ed. [S.l.: s.n.], 1925.
JONES, Peter. Learn latin. Londres: Duckworth, 2006.
WHITAKER, W. Words: latin-to-english & english-to-latin dictionary. [S.l.: s.n.], 1997.

Nenhum comentário: